Temas Bíblicos

Uma Cadeia Dourada de Bençãos  

Uma Cadeia Dourada de Bençãos
Wilson Lemos
Escrito por Wilson Lemos

Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e tudo o que há em mim
bendiga o seu santo nome. Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e
não te esqueças de nenhum de seus benefícios.

É ele que perdoa todas as tuas iniquidades e sara todas as tuas enfermidades; quem redime a tua vida da perdição e te coroa de benignidade e de misericórdia; quem enche a tua boca de bens, de sorte que a tua mocidade se renova como a águia (Sl 103.1-5). Note os sete itens nesses versículos pelos quais o salmista bendiz ao Senhor:

1. Perdão.

Não apenas alguns pecados passados são perdoados;
todos, também, são esquecidos. No capítulo 11 de Hebreus, no qual
temos registrados os feitos da fé, não há uma só palavra sobre
os fracassos daqueles santos do Antigo Testamento. Por quê?
Porque Deus disse: Jamais me lembrarei de seus pecados e de suas
iniquidades (Hb 10.17).

2. Cura.

É privilégio do filho de Deus saber que, se o Altíssimo
desejar, pode curar-nos de todas as nossas doenças tanto físicas
como espirituais.

3. Redenção.

Não só há redenção dos pecados passados, mas
também libertação do poder do pecado e, em breve, da presença dele.

4. Benignidade.

Algumas pessoas fazem o bem por mera benevolência, mas não colocam amor no que fazem; não é o caso do nosso Pai. Um anúncio de jornal alegava que determinado produto era o mais radiante, o maior e o melhor. Se era verdade, não temos como dizer; mas de uma coisa sabemos: nosso Pai celestial tem o mais radiante, o maior e o melhor para nos dar.

Portanto, ao falarmos,precisamos usar todos os adjetivos possíveis para expressar de alguma maneira o que Ele nos oferece. Seu amor é grande. Sua benignidade é afetuosa; sua misericórdia é doce, grande, abundante e eterna.

5. Ternas misericórdias.

Não esmolas de caridade, mas misericórdias concedidas pelo Seu amoroso coração de Pai, em virtude da obra do Seu Filho e desfrutadas no Espírito.

6. Satisfação.

Um dos puritanos  afirmou que “o coração do
homem é um triângulo, de modo que, mesmo que o mundo inteiro
estivesse nele, ainda teria três cantos vazios”. Porém, o cristão tem
a obra de Cristo para satisfazer a sua consciência, a Palavra do Pai
para tranquilizar a sua mente e a presença do Espírito Santo para
preencher o seu coração, de maneira que nem mesmo um só canto
fica desocupado.

7. Renovação.

Lembro-me de uma ocasião na qual um amigo,
que estava a caminho de uma série de cultos especiais, disse-me:
“Estamos buscando um avivamento”; então eu respondi que era
notória a condição lamentável deles, pois os cristãos deveriam
viver em avivamento. Nosso homem interior é, ou deveria ser,
renovado dia após dia, não apenas quando um evangelista dirige
cultos especiais.

Sobre o autor

Wilson Lemos

Wilson Lemos

Meu nome e Wilson lemos,
sou evangelista formado em bacharel em teologia pelo instituto de teologia
SETAD.

Sou casado e tenho por missão ajudar você a crescer espiritualmente em conhecimento.

Deixe um comentário