Estudos Bíblicos

Tirando a Máscara

Tirando a Máscara
Wilson Lemos
Escrito por Wilson Lemos

Continuando nossa conversa, vamos verificar algumas características que contrariam o perfil que Deus estabeleceu para seus eleitos.

Caso você verifique alguma semelhança, como já disse um amigo meu, não há coincidência, mas “jesuscidência”.

Miticismo

Segundo o dicionário da língua portuguesa, isto significa crença religiosa ou filosófica que admite comunicação oculta entre o homem e a divindade; devoção religiosa em elevado grau; vida contemplativa; tendência para acreditar no sobrenatural.

Todo líder místico cria na vida de seus seguidores ou ouvintes assíduos um clima de constante visitação espiritual, quase sempre sem a explanação da Palavra de Deus, levando a platéia a acreditar que Deus está se manifestando apenas por causa da unção de quem está ministrando, misturando visões e palavras pseudoproféticas com sensações humanas. Um verdadeiro ambiente confuso, onde você pode verificar que não foi a Palavra de Deus, plenamente descarnada, quem provocou tamanha confiança no evento realizado.

Tal procedimento não produz fé, mas confiança no locutor. Confiar no homem é princípio de toda queda. A fé vem pelo ouvir, e o ouvir pela Palavra de Deus. Rm 10:17

Adultério e Fornicação

Este é um assunto delicado, pois alguns servos leais do Senhor já caíram nesta armadilha do inimigo, mas conseguiram levantar-se para Honra e Glória do Senhor Jesus.

Vamos deixar claro que fornicação é um pecado cometido por solteiros e não casados. Já o adultério é praticado apenas por casados.

Este é um assunto que não necessitaria de comentários, mas como há muita licenciosidade (permissividade) no meio cristão também, faz-se necessário comentarmos.

Nenhum líder que tenha infringindo a Palavra do Senhor neste assunto pode depois fazer como a prostituta descrita por Salomão em Provérbios, dizendo que não fez nada de mais, ficando sem correção perante a liderança de seu ministério ou recusando-se a tal.

Caso ocorra isto, este líder estará ainda em pecado perante a Deus e seu Ministério, que foi constituído pelo próprio Deus, e estará colocando em risco a saúde espiritual do rebanho. E nenhuma igreja pode em momento algum passar por cima da Palavra de Deus, excluindo tal líder de correção pelo Ministério.

Não precisaria falar, mas se você está numa congregação com esta situação, você está em uma “canoa furada”. Peça direção a Deus para você poder servi-lo em um lugar de paz.

Clarividência

Segundo o dicionário da língua portuguesa, isto significa poder de ver as coisas com clareza; vidente; perscrutador.

No tempo atual há muitos que se dizem profetas, por garantirem que possuem o dom de ver a vida das pessoas. A vida das pessoas e não o que Deus pode e vai fazer nestas.

Esta manifestação nada tem a haver com o dom da profecia e/ou da palavra de conhecimento, que foi muito bem empregado pelo servo de Deus Ágabo, avisando o Apóstolo Paulo do perigo que ele correria em Jerusalém. Atos 21:10-11

Toda palavra de conhecimento ou revelação deve não envergonhar o servo, mas admoestá-lo em seguir a orientação da Palavra de Deus.

Profecia que envergonha a pessoa em público, que dilacera a intimidade, que agride os sentimentos e não promove arrependimento sincero, não vem de Deus e nem tem Dele o aval.

Todo líder que utiliza seus dons como troféus e não como ferramentas para a igreja, está a um passo de cair na síndrome de lúcifer, levando consigo todos aqueles que o admiram por tal capacidade.

Pior cego é aquele que se deixa ser guiado por outro cego.

Vá correndo para a Palavra, que Ele vai te orientar para o caminho certo.

Falta de Sobriedade

Certa vez em nossa igreja, no Estado de Minas Gerais, chegou um pastor vindo de outra região, sem ter fornecido nenhuma informação a respeito de seu passado na obra e na denominação.

Por influência da liderança, este foi recebido por aclamação e logo colocado na liderança da igreja. Mais tarde, quando a igreja estava procurando um novo pastor, devido a saída do titular, este se apresentou rapidamente para a função. Mas o que ele não esperava é que a diretoria da igreja buscasse informações a seu respeito em sua antiga igreja.

Foi uma surpresa para todos os membros da diretoria saber que o pastor havia saído “fugido” de sua ex-igreja devido um caso de adultério com uma jovem da igreja.

Naquele momento, muitos não deram a importância devida ao fato e quiseram impor que ele fosse empossado, mesmo sem ter que levá-lo perante a ordem dos pastores, para uma adequada disciplina, para o próprio bem dele.

Percebemos que há às vezes, ou quase sempre, um certo corporativismo nos grupos em geral, mesmo os cristãos, quando o assunto é esconder algum defeito do líder.

Quando menos se espera vem à tona através da mídia uma atitude errada de um determinado líder, cuja prática já vinha se sucedendo há muito tempo e cujos membros sabiam, mas preferiam fingir que não.

Pensavam que ele por ser líder, podia, mas os demais mortais se o fizessem estariam “fritos”. Talvez haja a crença de que a unção da ordenação ao ministério da Palavra exerça a função de “alvejante” dos pecados que estes venham a cometer no futuro.

A compaixão logo se manifesta em forma de “passar a mão por cima”, colocar em “banho-maria”, colocar “panos quentes” ou esconder para não escandalizar os mais fracos. Os mais fracos sempre existiram e sempre existirão na história da igreja cristã.

O livro de Provérbios é rico na análise das qualidades cristãs que o Senhor visualiza para todos nós.

O excesso de vaidade, de orgulho, arrogância, falta de carinho, falta de amor ao próximo, falta de zelo no falar, egoísmo, agressividade, prática da mentira, desonestidade, inveja e desobediência a Palavra de Deus demonstram por si só que um determinado líder não foi plenamente trabalhado por Deus e que pode estar sendo usado pelo maligno, mesmo recitando a Bíblia toda.

Talvez você ache que isto é muito exagero, mas a história já demonstrou que existiu no passado e existem ainda muitos servos fiéis.

Você não pode dizer a partir de agora que não foi alertado. Lembre-se o que diz a Palavra: “Um abismo chama outro abismo”.

Nunca negocie seu sucesso espiritual. Nunca abra mão de sua chamada por causa de outros.

Nosso referencial é Jesus Cristo e a Palavra de Deus.

Sensacionalismo

Nossas reuniões de orações e cultos não precisam de um “empurrãozinho” para fazer o Espírito Santo “descer” e nem tão pouco de uma animação conduzida por grupos de louvores.

Não há aquilo de “criar um clima” para se tentar ajudar o Espírito de Deus a operar.

Há muito engano quando se pensa que este tipo de conduta é que motiva Deus a agir, mas na verdade Ele age pela sua Palavra e pela fé produzida pela pregação.

Visões em excesso, com anjos com taças de ouro, luzes brilhantes sobre as pessoas, como se fosse uma “aura evangélica” e centenas de “glórias” ininterruptas mostram que a reunião tomou outro rumo, fugindo do objetivo principal de louvar e engrandecer o nome do Senhor, além de provocar nos participantes, com a constante prática repetitiva, um desequilíbrio emocional e espiritual.

Estas pessoas com o passar do tempo, não saberão mais adorar a Deus no silêncio de seus quartos e correrão os riscos de ter sua estrutura emocional abalada, vendo luzes brilhantes em tudo.

Você está passando por isto? Tem frequentado este tipo de reunião? Reveja sua escolha. Procure um lugar de paz e estabilidade emocional. Deus deseja o melhor para você. Busque a orientação do Senhor na Palavra, Ele te conduzirá por pastos verdejantes, mansamente às águas tranquilas, onde o Espírito opera e nos leva a adorar o Pai.

Ameaças Santas

O medo oprime as pessoas e controla as mentes fracas, que não conhecem a Palavra de Deus.

Ninguém tem o direito de coagir alguém a fazer determinada coisa pela força, pois o Senhor mesmo já disse: não por força e nem violência, mas pelo meu Espírito. Zc 4:6

Púlpitos onde se focaliza muito o inferno, os defeitos dos irmãos, a fraqueza dos outros e a tradição dos usos e costumes não produzem graça e nem crescimento espiritual na vida do rebanho.

Alguns chegam a serem terrivelmente transparentes, quando na hora da consagração dos dízimos e ofertas, abençoando apenas aqueles que entregaram suas ofertas, deixando de fora os outros e até assustando-os com o devorador, pensando que com esta ameaça irão fazer a entrada da igreja aumentar.

O que precisa ser enfatizado é o prazer em obedecer a Palavra, para em tudo agradarmos o Pai, aquele que nos ama e se deu por nós.

No Estado de Mato Grosso visitamos uma igreja, onde o líder observava quem entregava o dízimo na hora do culto, abençoando apenas aqueles que haviam entregado. Na verdade, este tipo de oração não tem validade perante Deus, pois Ele mesmo não faz acepção de pessoas, mas o inimigo aproveita esta brecha aberta pelo desinformado líder, para atingir seu rebanho.

Toda e qualquer coação, por mais “santa” que seja, não trará resultados positivos aos membros, não mais que a explanação pura da Palavra de Deus, mostrando o plano de Deus para seus servos e os benefícios de se semear no Reino de Deus.

Não aceite ameaças e nem se submeta a ministérios ameaçadores, porque Deus não trabalha ameaçando seus filhos, mas falando e dirigindo a toda a Verdade.

O compromisso de Deus é com sua Palavra e Ele diz a respeito disso: ninguém vos domine ao seu bel-prazer, com pretexto de humildade e culto aos anjos; estando debalde inchado na sua carnal compreensão as quais tem na verdade, alguma aparência de sabedoria, em devoção voluntária, humildade e em disciplina do corpo, mas não são de valor algum, senão para satisfação da carne. Col 2:18, 23.

Palavras Transgênicas

Alguns anos atrás, veio ao nosso conhecimento que em uma determinada igreja, o pastor principal recebera uma “palavra” de um “vaso”, que dizia que ele deveria estar já procurando uma nova esposa, pois sua esposa seria levada pelo Senhor.

Este servo divulgou esta “palavra” crendo que esta era a vontade de Deus e assim ocorreu. Parece absurdo, mas muitos acreditaram que realmente esta palavra veio do Senhor.

Não creio que promessa de morte venha da parte de Deus. Este tipo de “palavra” não se encaixa com as Palavras do Senhor, pois ele mesmo declarou que “seus pensamentos não são os nossos pensamentos, visto que seus pensamentos são muitos maiores e são de paz”.

Nossa lâmpada é a Palavra de Deus. Ele ainda fala conosco através dela. Basta apenas abri-la e ficar atendo a leitura. Aquela palavra que saltar aos seus olhos e que arder em seu coração, esta é a mensagem do Senhor para você. Tome posse dela, ore em cima dela, reivindique sua benção baseado na promessa, entregue a você. Creia.

Não temos necessidade de reinventar a roda, correndo atrás de novas revelações surpreendentes e poderosas.

Tudo que é nosso direito como co-herdeiros com Cristo está contido na Palavra.

Não permaneça em lugares onde se diz que uma nova revelação revolucionária está surgindo. Também não fique correndo atrás de fogo, porque isto trará uma confusão muito grande em sua mente, mesmo que você não acredite agora, além de deixá-lo vulnerável ao ataque de um lobo faminto.

Mentira

“Pelo que deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo, pois somos membros uns dos outros”. (Ef 4:25)

 

Você agora deve estar tentando imaginar como pode alguém que lidera um grupo, estar infringindo esta palavra.

Mas a mentira é algo tão destrutivo que tem o poder de matar quem ouve e quem fala. A mente, sentimentos e confiança vão sendo atacados em gotas homeopáticas a cada mentira proferida.

Mas assim procede o falso sacerdote. Ele fala de coisas que não são realidade em sua vida, mesmo que sua retórica seja a mais eloquente possível.

Para ilustrar este assunto, cito um exemplo do interior de Goiás.

O mesmo cidadão que se transformou em “Hulk” possuía um hábito de contar falsos milagres e falsas operações de Deus em seus sermões, que no início de sua trajetória como pregador eram acreditadas pelos ouvintes, mas que com o passar dos anos foi ficando claro para todos que se tratava de mentiras, visto que sua esposa era a primeira a abaixar a cabeça, quando este começa a contar seus “causos”.

Isto não apenas é maligno, mas também doentio, pois quem vive nesta prática não sabe que está trazendo mal duplo a sua própria vida, isto é, malignidade por estar se associando ao pai da mentira e cauterizando sua mente para a ação do Espírito Santo, tornando-a bloqueada para a Palavra de Deus e fora da realidade. Torna-se uma mente doentia.

Portanto é preciso estar atento, pois como já foi dito, “mentira que tenta edificar” não procede do Pai.

Fazer  Doutrina

A Palavra de Deus é muito clara quando cita o que vai acontecer com aquele que acrescentar ou tirar qualquer palavra das Sagradas Escrituras.

Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro;

E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro. Ap 22:18-19

 

Mas sempre aparece no meio evangélico aqueles que afirmam ter recebido uma profecia especial ou uma revelação especial sobre determinado tema ou assunto.

Isto realmente é loucura, porque tudo que Deus tem para nós está contido em sua Palavra. Não temos necessidade de inventar mais alguma coisa com relação às Escrituras.

Claro que há diferenças doutrinárias entre as diversas igrejas evangélicas, mas doutrina nenhuma pode pretender distorcer os valores eternos de Deus.

Para tanto, precisamos estar atentos a tudo que está sendo ensinando em nossas igrejas. Se algo parecer estranho, não se acanhe de se chegar a Deus e pedir a Ele que te dê entendimento.

Não aceite sobrecargas sobre a vida cristã, pois suave é o jugo do Senhor Jesus e não vivemos mais debaixo da Lei, necessitando de regras e fórmulas para alcançar a Graça, pois como o próprio nome já expressa, a Graça de Jesus é de graça.

Sobre o autor

Wilson Lemos

Wilson Lemos

Meu nome e Wilson lemos,
sou evangelista formado em bacharel em teologia pelo instituto de teologia
SETAD.

Sou casado e tenho por missão ajudar você a crescer espiritualmente em conhecimento.

Deixe um comentário