A Bíblia Não Diz

A Bíblia não diz que a Shekiná é a Glória de Deus em Hebraico

A Bíblia não diz que a Shekiná é a Glória de Deus em Hebraico
Wilson Lemos
Escrito por Wilson Lemos

Shekiná é uma palavra derivada do hebraico Shakhan, que significa literalmente “habitar, morar”. A palavra, embora muito comum nas igrejas evangélicas hoje em dia, não aparece nenhuma vez na Bíblia, sendo oriunda da Cabala – o ramo místico do judaísmo. Seu significado é sempre no sentido de habitação, por causa de sua raiz “shakan”, que aparece como habitar em vários versículos da Bíblia.

No judaísmo, além da Cabala, a shekiná é citada em diversos textos rabínicos como uma espécie de uma energia que pairava sobre o Segundo Templo e estava estritamente relacionada com os judeus. Porém, em nenhum lugar a Shekiná aparece como a “glória manifesta” de Deus, como dizem os evangélicos hoje.

Embora pareça bíblico, a palavra shekiná não tem nenhuma relação com a Bíblia, e seu conceito – vindo mais do misticismo que do texto da Bíblia Hebraica – difere radicalmente do sentido que é dado hoje. Não apenas a palavra não está nas Escrituras, mas o significado dado hoje também não se encontra na Bíblia.

Duvidas, críticas e sugestões nos mande mensagem pessoal ou nos comentários.

Home


Deus nos guie pelo o que a Bíblia diz.

Sobre o autor

Wilson Lemos

Wilson Lemos

Meu nome e Wilson lemos,
sou evangelista formado em bacharel em teologia pelo instituto de teologia
SETAD.

Sou casado e tenho por missão ajudar você a crescer espiritualmente em conhecimento.

Deixe um comentário